BLOG

O impulso na digitalização da indústria marítima

A aceleração na digitalização da indústria marítima está mais próxima do que nunca. O acordo entre a ABB e a DNV enquanto memorando de entendimento pressupõe um enorme passo em frente. Ambas organizações, com séculos de experiência no setor, lideram esta iniciativa. Haverá um excecional salto qualitativo e quantitativo para a modernização tecnológica na indústria da navegação a curto prazo.

 

Um acordo para a digitalização da indústria marítima

 

O fundador e atual diretor geral da DNV e o principal sócio da ABB oficializaram o pacto. Fizeram-no em plena Pandemia através de videoconferência. As bases desta cooperação enquadram-se em incorporar na indústria naval elementos e mecanismos relacionados com o uso de dados para posterior análise.

 

indústria marítima

 

Neste sentido, também se introduzirão novas tecnologias de inteligência artificial e de big data. O principal objectivo prende-se com uma maior conetividade para evitar eventuais problemas consequentes de um aumento de procura de serviços.

Ambas, DNB e ABB, são duas das maiores autoridades no mundo da navegação. Foram, aliás, os primeiros a observar e comprovar o enormes benefícios de um mundo digital nas diferentes operações portuárias.

 

Importa ainda destacar que ambas são referências no sector há muitos anos. ABB está no momento a oferecer webinars sobre digitalização. Estes seminários têm o objetivo de ajudar empresas de serviços básicos, indústrias ou meios de transporte a tornarem-se mais digitais. A DNV é uma empresa norueguesa fundada em Oslo, em 2013. O seu campo de trabalho é a certificação dos seus clientes para aumentar a qualidade dos portos, com base em formações e avaliações exaustivas.

 

Um futuro renovado por portos inteligentes

O transporte marítimo é um dos mais utilizados hoje em dia. Calcula-se que 80% das operações são realizadas através da via marítima. Prevê-se que, em 2050, a quantidade das mesmas seja quatro vezes superior. Esta previsão é mais um motivo para a transformação digital e constituição de portos inteligentes.

 

Os portos do futuro contarão com meios mais avançados, seja no controlo de saída e entrada de barcos, nos sistemas de gestão ou nos alertas. Também os camiões que entrem no espaço portuário deverão estar debaixo de tal controlo.

 

Uma das principais vantagens será a automatização de gestão de processos, permitindo assim uma maior rentabilidade. O aumento operacional a custos inferiores é o grande objetivo. Atualmente, o Porto de Barcelona assume-se como uma referência neste caminho.

A quarta revolução industrial tem todas as condições para ocorrer no setor da navegação, um dos epicentros logísticos no mundo. Este ambicioso objetivo, de digitalização total, mudará drasticamente o andamento de acontecimentos.

0 comentários
Bem-vind@

Bem-vindo ao blog de Moldtrans Group, você vai encontrar as últimas novidades.
Cadastre-se e siga-nos via RSS ou por e-mail. Feliz por ter você por perto!

Tweets Recentes
Siga-nos no Facebook